Porto Belo é classificada na categoria Bronze do Programa SC Resiliente

 

Ao todo, 64 Municípios de Santa Catarina foram certificados para a categoria Bronze, 18 para a categoria prata e um para a categoria ouro.

Na última semana o Governo do Município de Porto Belo através da sua Coordenadoria de Defesa Civil recebeu a certificação na categoria bronze do programa SC Resiliente, da Defesa Civil do Estado de Santa Catarina. O programa busca fortalecer a resiliência dos municípios catarinenses, por meio de ações de redução de riscos de desastres, pautadas no incentivo direto e reconhecimento formal da Defesa Civil.

Participaram do ciclo 2020/2021 do Programa SC Resiliente 114 municípios, destes 87 completaram as atividades e foram certificados. Nesta fase 18 municípios foram classificados na categoria prata, 64 na Bronze e um município com classificação Ouro, outros quatro municípios receberam certificados de participação.

O prefeito de Porto Belo Emerson Stein destaca a importância de programas como estes e principalmente, do incentivo do Governo através de classificações. “Enquanto Municípios e através da Defesa Civil, buscamos nos preparar para um momento de crise, principalmente no que diz respeito a desastres ambientais. A participação das Defesas Civis Municipais em programas como estes é sinônimo de experiência, é troca de informações e momento importante de troca de conhecimento. Agradecemos a Defesa Civil do Estado e em especial a Defesa Civil do Município, por terem se dedicado no decorrer deste programa” – destacou o prefeito.

A coordenadoria da Defesa Civil do Município de Porto Belo está sob comando de Claudio Silvino. O certificado foi entregue no Município para o prefeito Emerson e vice-prefeito professor Elias pelo coordenador regional da Foz Rio Itajaí, Daniel Bazanella Cardoso.

Durante o programa os municípios foram orientados como desenvolver as ações a partir de um diagnóstico técnico e pelo resultado do desempenho alcançado. Após o diagnóstico, que identificou os principais riscos e capacidades dos municípios, as estruturas municipais foram orientadas sobre o planejamento das ações necessárias. 

Entre as diretrizes estabelecidas durante o programa, estava organizar-se para a resiliência a desastres, identificar, compreender e utilizar os cenários de riscos atuais e futuros e fortalecer a capacidade financeira para a resiliência, entre outras. 


Source link

Facebook Comentários

Iniciar conversa
Vamos anunciar?