O que acontece se um drone colidir com a asa de um avião?

Momento exato do impacto de um drone com a asa de um avião Reprodução/YouTube - Dayton University

Momento exato do impacto de um drone com a asa de um avião Reprodução/YouTube – Dayton University

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Dayton, nos EUA, realizou um teste de colisão entre um drone um avião para analisar os danos causados em um possível acidente.

Veja também
  • Apenas um sai inteiro! Batalha de drones é o esporte do futuro
  • Drone faz imagens aéreas da construção do Apple Park

Os resultados indicaram que um choque a 380 km/h, entre um drone, com de cerca de um quilo, e asa de uma aeronave de pequeno porte, poderia causar uma queda.

Leia mais: Como pilotar um drone? R7 tira 10 dúvidas sobre o novo brinquedo

“Enquanto o drone se desfez, sua energia e massa se uniram para criar danos significativos à asa”, disse Kevin Poormon, líder do grupo de pesquisa.

O impacto foi suficiente para danificar a longarina, uma importante peça da estrutura interna da asa. As colisões com pássaros durante o voo costumam causar estragos menos perigosos.

“Queremos ajudar a comunidade de aviação e a indústria de drones a entender os perigos que até mesmo os modelos recreativos podem representar para aeronaves tripuladas antes que um evento significativo ocorra”, disse Poormon.

Ainda serão realizados testes adicionais para dimensionas os possíveis avarias causadas pelo choque de pequeno equipamento com o para-brisa ou a turbina de uma aeronave.

Veja também: Não é só um brinquedo! Como os drones revolucionarão a sua vida

Facebook Comentários

Iniciar conversa
Vamos anunciar?