Holanda – Amsterdam – Museu da Tortura: Instrumentos da Inquisição

0

Desde que assisti ao filme “O Poço e o Pêndulo” no ensino médio passei a me interessar pelo tema da Inquisição. Procurando por mais produções sobre o assunto, acompanhei a novela “Xica da Silva”, li o “Memorial do Convento” de Saramago e, quando estava morando em Sevilla descobri a película “Os Fantasmas de Goya“, com Javier Barden.

Porém mais interessante que ler ou assistir a ficções que retratam esse terrível episódio da hístoria, é poder vê de perto os instrumentos de tortura utilizados pelos inquisidores. O primeiro museu que pude conferir sobre a Inquisição foi na cidade de Córdoba, na Espanha, fiquei perplexo com o que vi. Depois em Lima, capital do Perú, pude ver outro, mas achei fraco. Já o terceiro, situado em Amsterdam, embora tivesse muitas coisas que eu já havia visto no primeiro, foi o mais “terrível” de todos.

Localização e Preço

O Torture Museum fica próximo à estação de tram Koningsplein, do lado oposto ao Flower Market (mercado de flores). É muito fácil chegar, pois além de ser centralizado, há placas por todo centro de Amsterdam indicando a direção e quantos metros faltam. O endereço exato é: Singel 449.

Os museus da capital holandesa são muito caros, por isso mesmo escolhi bem os que eu queria ver, os quais por sorte tinham preços mais acessíveis: o anexo secreto de Anne Frank (13 euros) e o da Tortura (7 euros).

Instrumentos de Tortura da Inquisição

Logo na entrada, a iluminação, a decoração e a trilha sonora dão mostras de que você não sairá ileso. Para ficar ainda mais interessante, todos os instrumentos expostos possuem uma descrição em vários idiomas e também uma imagem em desenho ilustrando

Desde que assisti ao filme “O Poço e o Pêndulo” no ensino médio passei a me interessar pelo tema da Inquisição. Procurando por mais produções sobre o assunto, acompanhei a novela “Xica da Silva”, li o “Memorial do Convento” de Saramago e, quando estava morando em Sevilla descobri a película “Os Fantasmas de Goya“, com Javier Barden.

Porém mais interessante que ler ou assistir a ficções que retratam esse terrível episódio da hístoria, é poder vê de perto os instrumentos de tortura utilizados pelos inquisidores. O primeiro museu que pude conferir sobre a Inquisição foi na cidade de Córdoba, na Espanha, fiquei perplexo com o que vi. Depois em Lima, capital do Perú, pude ver outro, mas achei fraco. Já o terceiro, situado em Amsterdam, embora tivesse muitas coisas que eu já havia visto no primeiro, foi o mais “terrível” de todos.

Localização e Preço

O Torture Museum fica próximo à estação de tram Koningsplein, do lado oposto ao Flower Market (mercado de flores). É muito fácil chegar, pois além de ser centralizado, há placas por todo centro de Amsterdam indicando a direção e quantos metros faltam. O endereço exato é: Singel 449.

Os museus da capital holandesa são muito caros, por isso mesmo escolhi bem os que eu queria ver, os quais por sorte tinham preços mais acessíveis: o anexo secreto de Anne Frank (13 euros) e o da Tortura (7 euros).

Instrumentos de Tortura da Inquisição

Logo na entrada, a iluminação, a decoração e a trilha sonora dão mostras de que você não sairá ileso. Para ficar ainda mais interessante, todos os instrumentos expostos possuem uma descrição em vários idiomas e também uma imagem em desenho ilustrando como a ferramenta era utilizada. Colocarei aqui apenas os instrumentos diferentes do post do museu de Córdoba.

Fonte:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.