Cuidados com a pele no verão

Veja a seguir dicas para aproveitar a estação mais quente do ano sem colocar a saúde em risco:

0

durante o verão, aumentam as atividades realizadas ao ar livre.

A radiação solar incide com mais intensidade sobre a Terra, aumentando o risco de queimaduras, câncer da pele e outros problemas.

Por isso, não podemos deixar a fotoproteção de lado.

Veja a seguir dicas para aproveitar a estação mais quente do ano sem colocar a saúde em risco:

JM Farmácia de Manipulação
  •  Além do filtro solar, no verão é importante usar chapéu e roupas de algodão nas atividades ao ar livre, pois eles bloqueiam a maior parte da radiação UV.
  • O verão é o momento de intensificar o uso de filtro solar, que deve ser aplicado diariamente, e não somente nos momentos de lazer.  Os produtos com fator de proteção solar (FPS) 30, ou superior, são recomendados para uso diário e também para a exposição mais longa ao sol (praia, piscina, pesca etc.). Temos uma linha completa da Adcos, que além da proteção tem cor especifica para cada pele.
  •  o uso de fluidos siliconados nas pontas dos cabelos impede que eles se danifiquem com o vento, sol ou maresia.
  • É importante também proteger as cicatrizes, especialmente as novas, que podem ficar escuras se expostas ao Sol. Já as antigas também devem ser protegidas, pois há risco de desenvolvimento de tumores, apesar de ser um evento raro. A proteção pode ser feita com meio do uso de filtro solar. (ter cuidado especialmente com as tatuagens)
Alerta:  pessoas de pele negra têm uma proteção “natural”, pela maior quantidade de melanina produzida, mas não podem se esquecer da fotoproteção, pois também estão sujeitas a queimaduras, câncer da pele e outros problemas. Assim como as pessoas de pele mais clara, precisam usar filtro solar, roupas e acessórios apropriados diariamente.

As temperaturas mais quentes exigem hidratação redobrada, por dentro e por fora.

Portanto, deve-se aumentar a ingestão de líquidos no verão e abusar da água, do suco de frutas e da água de coco e soros reidratantes.

Todos os dias, aplicar um bom hidratante, que ajuda a manter a quantidade adequada de água na pele evitando assim as viroses, que geralmente acontecem no verão, evitar também comidas gordurosas, frituras, pois no calor, podem fazer mal, e por ser temperaturas altas, estragam facilmente.

  • Alguns alimentos podem ajudar na prevenção aos danos que o sol causa à pele, como cenoura, abóbora, mamão, maçã e beterraba, pois contêm carotenóides, substância que se deposita na pele e tem importante ação antioxidante.
  • O Betacaroteno é muito indicado nesse caso, a ingestão de uma capsula ao dia, é suficiente.A combinação sol, areia, praia, piscina e excesso de suor elevam o risco de algumas doenças da pele.

Algumas doenças comuns:

Micoses: infecções causadas por fungos e que podem ocorrer na pele, unhas e cabelos.

Brotoejas: pequenas bolinhas que surgem, especialmente em bebês, devido ao contato da pele com o suor, principalmente nas “dobrinhas” da própria pele ou das roupas.

Manchas e sardas brancas: as manchas e as sardas brancas surgem devagar e, quando menos se espera, lá estão elas.  Representam danos que os raios solares causaram na pele e aparecem gradativamente com o tempo, principalmente nas áreas expostas da pele.  A melhor forma de evitá-las é não se esquecer do protetor solar.

Acne solar: provocada pela mistura da oleosidade aumentada da pele, sudorese, uso do filtro solar e da própria radiação solar. Recomenda-se lavar o rosto com um sabonete adequado para o tipo de pele, usar tônicos mais adstringentes e filtros solares com base aquosa ou em gel, o que pode diminuir a oleosidade.

 

  • Farmacêutica Responsável:  Jeriane de Franceschi Pereira / CRF9111

 

Fonte:JM Farmácia de Manipulação

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.