Coronavírus: Brasil ultrapassa China com 474 novas mortes nas últimas 24 horas

O país está na nona posição entre os países com mais vítimas no mundo

O Brasil registrou o maior número de mortes em 24 horas, com 474 óbitos, e ultrapassou a China no número de mortes causadas pelo novo coronavírus.

O maior registro feito no Brasil era de 23 de abril, com 407 vítimas. O país é agora o nono país com mais vítimas no mundo.

Segundo o boletim mais recente do Ministério da Saúde, ao todo 5.017 pessoas morreram por Covid-19.

A China, por sua vez registra 4.637 mortos, a maioria em Wuhan, na província de Hubei (4.512). Os primeiros casos confirmados do novo coronavírus foram registrados em Wuhan, na China, em dezembro de 2019.

Já no início da pandemia o país determinou uma quarentena sem precedentes nas cidades afetadas.

O isolamento, ao que tudo indica, levou a diminuição do número de novos casos confirmados por dia e culminou no relaxamento da quarentena no fim de março.

O recorde de mortes por coronavírus em 24 horas registradas na China aconteceu em 17 de fevereiro, após o país asiático adotar uma nova metodologia para confirmação de casos e vítimas.

A velocidade com que o vírus se alastra e causa mortes no Brasil é similar à observada na China. Ambos os países levaram cerca de dois meses para atingir os primeiros mil mortos após o registro do primeiro caso.

No Brasil, os casos confirmados também estão mais concentrados na região Sudeste.

Os dados sobre mortes nos dois países desde o surgimento do vírus indicam que o Brasil ultrapassou a China devido à queda no número de novas mortes do país asiático. No intervalo de 18 dias, entre 29 de março e 16 de abril, a China registrou 42 mortes novas mortes.

No mesmo período, O Brasil registrou 1.788.


 

Facebook Comentários

Iniciar conversa
Vamos anunciar?