Chineses criticam Apple após violação de dados de acesso

REUTERS/Thomas Peter

Uma associação de consumidores chineses criticou a Apple por uma recente falha de segurança de dados que teria gerado perdas financeiras a eles depois que suas informações de acesso aos serviços da companhia norte-americana foram roubadas.

A Apple informou no início do mês que uma investigação interna descobriu que "um pequeno número de contas de nossos usuários foram acessadas através de golpes de 'phishing' onde a autenticação de dois fatores não estava habilitada".

A empresa norte-americana acrescentou que a questão também gerou um crescimento no número de "pedidos falsos de reembolso", que tentam tirar proveito do incidente.

A Associação de Consumidores da China disse em seu site que a Apple não deve se esquivar de sua responsabilidade e deve compensar os consumidores na íntegra.

A questão é uma dor de cabeça potencial para a Apple na segunda maior economia do mundo, com a companhia norte-americana já enfrentando uma situação potencialmente difícil no país, em meio à guerra comercial entre Estados Unidos e a China.

Veja também
  • Golpe no WhatsApp usa Outubro Rosa para atrair vítimas
  • Os fragmentos mais rápidos que balas que são desafio à conquista do espaço
  • Médicos usarão Smart Watch para monitorar pacientes nos EUA

A plataforma chinesa de pagamento móvel Alipay disse na semana passada que hackers roubaram uma quantia desconhecida de dinheiro de contas de usuários usando dados de acesso roubados da Apple e a questão permaneceu sem solução apesar da empresa norte-americana ter conhecimento do caso.

Na sexta-feira, a Apple se recusou a fazer comentários além de sua declaração anterior sobre o assunto.

"Estamos identificando proativamente atividades suspeitas e entrando em contato com clientes afetados. Recomendamos fortemente a todos os usuários que ativem a autenticação de dois fatores, o que impede o acesso não autorizado a suas contas", afirmou a empresa na declaração do início do mês, quando lamentou "o inconveniente causado aos nossos clientes" pelos golpes de phishing.

(Por Adam Jourdan)

Facebook Comentários

Iniciar conversa
Vamos anunciar?